Gestão de Riscos e Prevenção de Desastres Naturais em Moçambique

Atualizado em: Segunda, 18 Junho 2018 20:23. Acessos: 699.


Equipe técnica do projeto instalando radar.

Este projeto melhorou o sistema de aviso prévio de calamidades, no país, por meio do incremento dos mecanismos de previsão do tempo, do monitoramento dos níveis hidrológicos e pelo aprimoramento do fluxo de informações para as comunidades locais. Desta forma, procurou diminuir o número de vítimas e reduzir os danos causados em caso de catástrofes. Os tecnólogos moçambicanos aprenderam a operar estações climáticas e hidrológicas e avaliar dados a partir delas. O sistema de alerta de inundações na bacia do rio Buzi foi modificado e a comunidade local foi treinada para ter uma reação mais rápida aos alertas de desastres. Atualmente este modelo tem sido reproduzido também na bacia do rio Limpopo.

Países envolvidos: Brasil, Alemanha e Moçambique.

Duração

2011 a 2014.

Financiamento
  • Contribuição Moçambique: Contribuição Contrapartida
  • Contribuição Brasil: US$ 0,9 Milhões
  • Contribuição Alemanha: US$ 1,8 Milhões